Na próxima quinta, 2 de junho, lojistas e consumidores se unem em protesto contra o confuso sistema tributário brasileiro. Sob a coordenação da CDL Jovem do Distrito Federal e com apoio da CDL-DF, em 2022, o Dia Livre de Impostos (DLI) vai às ruas com adesão de estabelecimentos de diferentes segmentos, entre eles farmácias, supermercados e postos de gasolina.

Levantamento realizado em 2021 pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), mostrou que o Brasil tem a 14ª maior carga tributária do mundo. Além da carga tributária elevada, o retorno destes valores para a sociedade, em forma de serviços públicos é muito ruim. Além disso, desvendar a legislação tributária é uma tarefa complexa, tanto para o cidadão quanto para o empresário.

Trata-se de uma intrincada rede de tributação, com guias, impostos, procedimentos que oneram e reduzem a produtividade. É necessária uma reforma tempestiva nesse modelo tributário, uma alternativa que não impeça o livre desenvolvimento de negócios e seja um fator de desenvolvimento da sociedade, com serviços públicos de qualidade.

Além de aderir ao DLI, é possível assinar o Manifesto Online para mostrar sua insatisfação com a tributação excessiva. Sua colaboração é importante para dar relevância ao tema perante os governantes do país.

 

Para assinar o manifesto clique aqui

 

Wagner Silveira Jr.

Presidente da CDL-DF